Papisa, projeto mágico que marca a carreira solo de multi instrumentista, cantora, compositora e produtora musical Rita Oliva, encerra o ciclo desse conturbado ano de 2018 mostrando uma faixa inédita – gravada em formato session em Juiz de Fora, MG – que estará em seu primeiro disco cheio, sucessor do bem quisto EP Papisa (PWR Records). “A Velha” é uma produção do clube Necessaire e o estúdio Inhamis, integrando a proposta NCSSR Sessions.

A canção fala sobre tempo e impermanência entre beats e camadas de vozes – características que vêm marcando a sonoridade de Papisa. Mas mostra, também, outras nuances sonoras: “é uma música com piano elétrico e sem guitarra, explora outras possibilidades musicais em relação ao quejá lancei”, revela a artista. Sobre a ideia de gravar “A Velha” em formato session, Papisa comenta que “faz sentido mostrar essa mudança em vídeo e mostrar a faixa executavd pela banda, expondo como os shows tem acontecido”.

Além do lançamento inédito, Papisa finaliza 2018 com mais duas apresentações na agenda: dia 07/12, em São Paulo, integrando a programação noturna da SIM SP (Semana Internacional de Música de São Paulo), no evento Noite Protagonismo Feminino Independente, na Casa Vulva; e dia 16/12, em Taubaté, no Festival Geleia.

Fonte: Flora Miguel

Deixe um comentário