Conhecido pelos sucessos de ‘Musa do Verão” e “Deixa Disso”, que lançou aos 15 anos, Felipe Dylon, se tornou um ícone de sua geração tanto na música como na televisão, durante sua época como apresentador da MTV no programa “Top Top MTV”, que ficou de 2004 a 2007.

Filho da atriz Maria Lúcia Priolli com o surfista, guitarrista e produtor Luiz Felipe Dylon, o cantor seguiu o amor do pai pelo esporte e sempre adotou essa temática para sua vida. Durante seu período como ator, participou do seriado “A Diarista”, “Aquele Beijo”, além do seu filme mais conhecido, “A Guerra dos Rocha”, onde viveu Bilinho em 2008.

Mais recentemente, o cantor se prepara para o seu próximo lançamento intitulado “Suave Tentação”.

Como foi seu primeiro contato com o meio musical?
Meu primeiro contato com o meio musical foi muito legal, cresci n o Canecão, e vi muita gente legal tocando lá. Então aquilo de certa forma foi me despertando uma vontade de ser artista, cantar, levar alegria às pessoas. Fico feliz pois já fizemos shows por várias Cidades do Brasil, também nos Estados Unidos e Japão.Tocamos nos Festivais de Barretos e no Festival de Verão de Salvador. Conseguímos conquistar muita coisa boa em pouco tempo de carreira.

Logo no começo da carreira, veio um dos seus primeiros hits de sucesso, que foi “Musa do Verão”. Qual foi sua inspiração para compor essa música?

Na verdade Musa do verão, não fui eu que compus, foi o César Lemos, eu sou apenas o intérprete, mas fico feliz pois é minha canção de maior destaque, e por ela ter tocado muito nas rádios mais populares, conseguimos um público grande.E as turnês sempre a cada show, a gente ia mostrando esse amadurecimento.Fico feliz pois tudo isso que investimos a nível emocional também.Conseguímos ter um retorno, muito legal.Mas acho que temos que pensar pra frente, estou lançando um novo single chamado Suave tentação.Estou muito confiante.

Lançado em 2006, o álbum “Outra Direção” trouxe a novidade de um novo estilo musical, o popcom reggae. O que o levou a tentar explorar esse outro gênero?

Cara eu acho que a raiz com o surf music, gosto muito de guitarristas que fazem um som mais instrumental, e isso foi inspirando a misturar gêneros e ritmos ao meu pop romântico,e nesse disco foi muito legal que a gente a participação do Helião do RZO, que deu a maior moral na canção Acorda Brasil que tem uma batida bem dançante.Mas creio que bandas nacionais que tocam esse gênero como Capital e Jota Quest me inspiraram.

Quando foi que a carreira de ator entrou na sua vida?
Estudei Teatro Musical na Casa de Cultura Laura Alvim quando era moleque e depois fiz um curso no Tablado com Ernesto Piccolo e Jansen Barreto.

Sente saudades da época como apresentador na MTV?

Nossa foi muito legal ter podido apresentar o Programa de Verão Platão Pop, fizemos muitas gravações incríveis, muito CPM, Detonautas, fizemos durante quase 2 meses e foi incrível, me deu uma noção boa também para meus shows, que ficaram cada vez melhores. Olha a experiência na emissora foi demais, todos me trataram super bem. Com certeza abriram portas incríveis, foi realmente gratificante.

Participando de seu primeiro filme em 2008 nos cinemas, como foi sua preparação para interpretar Bilinho em “A Guerra dos Rocha”?

Bilinho foi um personagem incrível, adorei poder ter feito cinema, eu creio que a cena do cinema nacional, tem crescido muito, cada vez filmes melhores, acho que é importante migrar também em um outro setor na arte não só música, ter feito esse filme com direção do Jorginho Fernando foi muito legal, amei, foi muito legal.E creio que ter feito novela também foi muito legal.

Como foi ser jurado do “Canta Comigo” na RecordTV?

Muito legal, também uma super oportunidade, muito júris legais, que estavam julgando, foi demais. Creio que não só fazer bons shows, mas esse programa foi bem legal, adorei, uma super chance, uma oportunidade única, realmente muito importante pra minha carreira.

Fale um pouco sobre sua ligação com o surf?

Adoro, meu esporte favorito,levava a prancha dentro do ônibus pra surfar antes do show, muito bacana chegava muito feliz pra cantar.E também usávamos pranchas pra decorar o palco,adoro realmente revigorante.

Deixe uma mensagem.

Agradeço a todos pelo carinho e apoio ao meu trabalho, um grande beijo a todos.Com todo meu carinho.Tudo de bom. Um beijão.

Deixe um comentário