O modelo Max Souza decidiu fazer um curso de “comida natural para cães” para incluir a sua rotina fitness na vida de seus próprios pets. Os principais alimentos usados na comida natural são: carboidratos e fibras: abobrinha, chuchu, vagem, rúcula, brócolis, cenoura, beterraba, inhame, batata doce, mandioca, ervilha, arroz integral, lentilha, óleo de coco, óleo de borragem, óleo de peixe, banha suína entre outros.

Em seu perfil no Instagram, Max compartilhou alguns vídeos fazendo a alimentação de seus cachorros. A alimentação natural para cães ainda divide opiniões entre médicos veterinários. Alguns acreditam ser uma boa opção para intercalar com a ração. Para outros, o termo “natural” implica em algo que não tem nada de artificial, sendo assim é praticamente impossível garantir uma refeição balanceada aos pets sem o uso de nutrientes sintéticos, como vitaminas e minerais.

Para quem ainda não o conhece, poderia nos contar um pouco sobre sua carreira como modelo?

Eu sou baiano e logo que o cheguei a São Paulo comecei a trabalhar em uma área que não tem nenhuma ligação com a área de moda! Aos 24 anos fiz a primeira campanha para uma marca de sungas italiana, a partir daí foram surgindo outras oportunidades, como campanhas para festivais, de algumas marcas de roupas, além de campanhas publicitárias.

A novidade dessa semana foi que você decidiu optar por alimentar seus cães com uma comida natural feita por você mesmo. Como foi a preparação? Realizou uma pesquisa antes?

Eu sempre procurei um meio de diversificar a alimentação delas, são quatro buldogues franceses! E pesquisando na internet achei um curso de alimentação natural para cachorros. Eu fiz o Curso, recebi o certificado e a partir daí comecei a fazer a alimentação delas! A cada semana faço um cardápio diferente.

Foto: Divulgação/CO Assessoria

Em relação às rações tradicionais, muitas pessoas as julgam por causa de seu processamento e ingredientes. Você também tem essa mesma visão, apesar das milhares precauções e segurança divulgadas pelas marcas?

Sempre falo que mesmo a melhor ração do mercado às vezes dá algum tipo de reação no cão! Além de muitas vezes causar um excesso de queda de pelos. Muitas vezes o cachorro sempre põe para fora tudo o que comeu logo após a refeição, isso pode estar ligado à rejeição do organismo sobre a ração.

Sobre a receita do alimento natural, como é feito o preparo e como você chegou a essa receita?

O preparo é feito como se fosse para mim! (risos). A única diferença é que não vão temperos que geralmente colocamos na nossa refeição! As receitas são algumas combinações aonde vou variando semanalmente.  Por exemplo, três tipos de vetais e uma proteína, com um complemento de uma vitamina.

Foto: Divulgação/CO Assessoria

Além de alguns alimentos que não são muito indicados aos cães, como frutas cítricas devido à sua acides, muito veterinários tem opiniões divididas em relação a essa alimentação. Você procurou um acompanhamento veterinário para monitorar a reação dos pets com o novo alimento?

Conversei com a veterinária que cuida delas! Inclusive ela até me falou que muita gente tem a vontade de iniciar esse processo de alimentação natural com seus cães. Mas não tem paciência ou tempo para fazer.

Nas suas fotos e nas redes sociais, você parece ser um verdadeiro pai para os seus buldogues. Como é a relação de amizade entre você e seus filhos de quatro patas?

Muito. Elas são a diversão do meu dia! Sempre que elas não estão bem eu logo percebo. Acaba que criamos uma conexão muito grande! Às vezes tenho que viajar a trabalho e elas ficam bastante ansiosas, e ao chegar é uma super festa.

Foto: Divulgação/CO Assessoria

Muitos veterinários que são contra a comida caseira afirmam que é praticamente impossível garantir uma nutrição animal sem uso de nutrientes sintéticos, como vitaminas e minerais. Qual é a sua opinião em relação a essa afirmação? Os nutrientes dos alimentos humanos também serviriam para os cães?

Eu sempre falo que nós seres humanos não gostamos de repetir o mesmo prato todos os dias! Porque eles têm que repetir? Infelizmente somos ensinados que a alimentação dos cães tem que ser ração, e nesse curso tive a certeza que não, podemos sim variar a comida deles e inclusive variando com a própria ração quando não conseguir preparar a alimentação natural. É indicado um complexo vitamínico também para complementar a suplementação. Então se você tiver tempo e paciência para proporcionar uma alimentação diferente e segura para eles não tem nenhum problema.