A grande maioria das pessoas, desconhecem que o paraquedismo é um
esporte e uma profissão. Focam apenas em achar que os profissionais que
praticam essa modalidade, são só pessoas corajosas ou insanas.

O paraquedista, Vagner Jorge, tem ganhado bastante
destaque na área com um trabalho motivacional, que leva as pessoas a
confiarem mais em si, através da vivência de novas experiências, em
momentos de aventura e superação.

Eu acredito que o paraquedismo é um
esporte para todas as idades, uma prova disso foi uma senhora de 86
anos, surda que saltou comigo. Isso me marcou muito, pois pude ver que
nunca é tarde para fazer o que se têm vontade, e se você tiver
perseverança nenhuma limitação vai te impedir. Vagner Jorge

Vagner passou por diversas modalidades esportivas, como supermoto,
onde foi campeão brasileiro, muay thay e handebol. Mas o amor pelo
paraquedismo foi maior e avassalador, fazendo que ele buscasse todos os
caminhos para se profissionalizar dentro da área, sem imaginar o sucesso
que faria nela.

Em 2015, iniciou seus trabalhos na Austrália como dobrador de
paraquedas, entre um trabalho e outro,  fazia  saltos esporádicos, até
atingir a quantidade necessária para se tornar instrutor de voo.

De lá para cá, foram feitos milhares de saltos em lugares remotos,
montanhas, antenas e prédios ao redor do mundo. Atualmente, Vagner
trabalha como instrutor em Boituva, interior de São
Paulo. Lá faz um trabalho muito especial incentivando o esporte para
todas as pessoas, não importando idade, classe social ou limitações
físicas.

Nesta primeira quinzena de outubro, ele está em Moscou na Rússia,
onde treina num túnel de vento, que chega a atingir cerca de 450km/h, a
fim de aprimorar seu voo. Nos próximos dias, Vagner se dirige para
Sóchi, onde tentará quebrar um recorde, junto a um grupo de 27 amigos.
Eles querem ser o maior número de pessoas a saltarem de uma ponte ao
mesmo tempo. O recorde atual é de 26 pessoas.

Luca Moreira Administrator
follow me