“Já fui cantado por outros jogadores, acontece no futebol” declara ex-jogador do Uberaba Sport Club

O estudante de medicina Lucas Arantes, 33 anos, que deixou os campos do futebol e as passarelas para uma carreira totalmente diferente do que já tentou, revelou já ter sido assediado por outros jogadores enquanto fazia parte do time Uberaba Sport Clube.

Lucas foi fisgado por agências de modelo enquanto ainda jogava no clube, e logo após tentou ser Mister Brasil 2013. Sempre destacado pela beleza e corpo bem cuidado durante os jogos, ele contou que as cantadas nem sempre chegavam de mulheres.

“Ainda existe esse tabu de não se revelarem, há um preconceito interno, todos lembram do Richarlyson, foi um caso emblemático. Mesmo assim já presenciei cantadas de outros jogadores”, declara.

O estudante de medicina se considera metrossexual e não nega os cuidados regrados com o corpo com ninguém. “A metrossexualidade não deve ser considerada um tabu, nós homens devemos nos cuidar também, isso não deve ser taxado como homossexualidade”.
Foto: Giuli Lacorte / CO Assessoria