O Pilates é uma atividade física com inúmeras vertentes, e uma delas está associada a melhora no desempenho de atletas, em diferentes modalidades. Essa atividade é responsável por trabalhar toda a musculatura do corpo, trazendo resistência física e alinhamento corporal, auxiliando na flexibilidade, equilíbrio, controle da respiração, concentração e no relaxamento da mente. “Se combinarmos o pilates com os treinos, e todos os cuidados que um atleta deve ter durante os campeonatos, podemos corrigir desequilíbrios musculares, consciência corporal e reequilíbrio muscular, prevenindo às lesões, contribuindo na recuperação e melhorando o seu desempenho” – afirma a fisioterapeutaAna Luisa Marçal, sócia e diretora clínica do Instituto Pilates de Guarulhos.

É comum que os atletas sofram contusões, tanto pelo excesso de treinos, como nas competições, afinal dependendo da modalidade, são realizados movimentos de forma repetida, ou com forte impacto e explosão, por isso, o Pilates é um forte aliado no condicionamento físico e também na recuperação, caso haja contusões.

Outro ponto importante trabalhado pelo Pilates é a consciência corporal e respiratória. “Durante uma competição, por exemplo, a respiração tem papel fundamental na concentração e na perfeita realização dos movimentos, por isso, se não houver um controle, todo o treinamento técnico pode ser perdido.

Sobre a especialista: Ana Luisa Marçal é fisioterapeuta (Crefito: 127346-F) e sócia proprietária da Unidade de Guarulhos do Instituto Pilates, a profissional possui formação em pilates solo e aparelhos para patologias da coluna e estabilização segmentar vertebral; além de especialização em fisioterapia Neurofuncional pela Irmandade Santa Casa de Misericórdia de São Paulo. Saiba mais em: www.instpilates.com.br