Antes de subir ao palco da edição 2019 do Rock In Rio, Abronca lança sua primeira música em nova formação. “Oh Shit” é um trap com clima bem carioca onde My e Jay listam as inspirações que possuem para criar. A faixa chega com um clipe dirigido por Henrique Sales e Juan Cardona, gravado no estúdio Toca do Bandido.

“Essa foi a primeira música que criamos desde a formação nova do grupo. Quando fizemos a primeira guia, sentimos que o som representava muito o que gostaríamos de apresentar pro público! Cada palavra, cada verso. É um som que foi construído com muito amor e dedicação. Desde o primeiro momento colocamos em mente em ter ele como retorno!”, conta My – que também é atriz e está no ar com a novela Bom Sucesso, da Rede Globo – sobre a faixa e o novo momento do grupo, que passou a ser um duo no começo do ano.

A girl band de rap é fruto da comunidade do Vidigal e teve um início bem diferente das demais bandas que compartilham desse estilo musical no Brasil. O contato com a arte começou nas oficinas do grupo teatral Nós do Morro e serviu de base para o processo da caminhada na música.

Descobertas em um sarau por um produtor de um selo inglês, elas – como Pearls Negras – estouraram primeiro no exterior em 2014, com o lançamento internacional da mixtape “Biggie Apple”, seguida de uma tour pela Europa, incluindo o hit “Pensando em Você”.

Mas muito mudou para as artistas desde então. Com um novo olhar sobre suas carreiras, retomaram a veia rascante do rap – que sempre tiveram como referência – e, como Abronca, se destacaram com faixas como “Drinks”, “Chegando de Assalto” e “Gangsta”, além de experienciar entre 2017 e 2018, uma passagem pela Warner Music Brasil.

2019 marca mais um capítulo nessa história, no qual Abronca retorna à produção independente, preparando um repertório repleto de novidades que transitam entre rap e trap.

“Além disso, queríamos apresentar ao público a nossa nova identidade como um duo. Mostrar que entendemos que o rap e o trap tem suas constantes mudanças e que estávamos atualizadas com a cena. Fomos pioneiras, entre rappers femininas, do Rio a lançar um trap, o ‘Gangsta’, que teve um retorno muito bom do nosso público, então pensamos que seria incrível lançar mais um, mostrando a nossa força, as nossas referências e a nossa evolução”, conclui Jay.

Luca Moreira Administrator
follow me