Depois de emendar recentemente dois feats de extremo sucesso
nas plataformas digitais – “Resenha lá em casa”, de Kevin O Chris (5.500.000
streamings Spotify) e “Para não”, de MC WM, com Jerry Smith, (2.800.000 views
no YouTube em apenas 1 semana de lançamento) Pocah lança hoje sua primeira
música solo com novo nome artístico e a expectativa não poderia ser mais
positiva.

“Pode chorar” traz discurso feminista e empoderador. Mais uma
vez, a cantora mostrará um projeto que fala sobre a liberdade feminina e quebra
estigmas e rótulos arcaicos.

“Pode Chorar é muito especial para mim por alguns motivos,
dentre eles: o fato de ser meu primeiro lançamento solo com novo nome artístico
e pela letra evidenciar uma mensagem muito importante de feminismo e servir de
inspiração para meus fãs e para todas as mulheres”, comenta a cantora.

A letra foi produzida pela Hitmaker Produções e clipe
dirigido por Philippe Noguchi, trazendo uma estética sofisticada e
diferenciada. Ao mesmo tempo em que ressalta grande referência pop, traz um
tipo de fotografia novo, pouco usado em produções audiovisuais do gênero funk,
retratando alguns aspectos mais surreais e uma paleta geral de cores mais fria
e neutra nos ambientes cenográficos.

Foto: Rodolfo
Magalhães

Luca Moreira Administrator
follow me