Os representantes do Wakeboard brasileiro nos Jogos Pan-Americanos 2019, Marcelo Giardi (Marreco) e Mariana Nep, dividem o tempo entre o treinamento para as competições profissionais e as aulas de wakeboard para esportistas ou pessoas interessadas em iniciar na modalidade. O casal é responsável pela Marreco Wake School, em Bragança Paulista, que recebe alunos e turistas o ano inteiro e conta com hospedagem, alimentação e as aulas dos dois medalhistas Pan-Americanos.

Localizada nas margens da represa do Jaguari, dentro do Clube Náutico Russolândia, a escola conta com alojamentos para até 18 pessoas e nos meses de férias (dezembro, janeiro e julho) realizam o projeto Camp, uma imersão no esporte com todas as refeições, hospedagem e as sessões de wakeboard. Além disso, contam com barcos próprios para a prática do esporte e trampolim acrobático para quem busca uma dose a mais de aventura. A escola atende crianças a partir de 3 anos.

As aulas são marcadas com antecedência por email ou telefone. O horário de uma hora pode ser dividido entre duas pessoas (o mínimo por pessoa é de 30 minutos). “Meia hora por pessoa já dá para se divertir bastante e sair bem cansado da água, mas quem tem um bom preparo físico pode se arriscar a fazer uma hora inteira que vai aproveitar muito. Outra opção seria fazer aula pela manhã, almoçar no clube e fazer mais uma aula pela tarde”, explicam.