Um dos maiores incômodos das mulheres é o inchaço. Para ajudar na eliminação das toxinas que sobraram no organismo, uma boa dica é optar pelas massagens.“Através de movimentos leves e precisos, que são ideais para desobstruir os gânglios e melhorar a circulação sanguínea, as massagens manuais ajudam o organismo a eliminar as impurezas e diminuir a retenção de líquido”, afirma Ingrid Peres, gerente científica e fisioterapeuta dermato-funcional da ONODERA Estética

Abaixo, a especialista recomenda quatro técnicas de massagens que são poderosas aliadas no combate ao inchaço. Confira:

PANTA REDUX – A técnica associa as principais manobras de massagem a um acessório de madeira com formato anatômico que permite trabalhar todas as áreas do corpo. Utilizando movimentos precisos e ritmados, a massagem ativa a circulação e o sistema linfático, melhora e reduz a medida e o aspecto da celulite, além de modelar e esculpir a silhueta. A aplicação dura 50 minutos e são recomendadas 10 sessões que podem ser feitas duas vezes por semana.

DRENO REDUX – O procedimento une técnicas de massagem modeladora e drenagem linfática, que ativam a o sistema circulatório e linfático. Os ativos utilizados e as manobras vigorosas ajudam no aumento da circulação, reduzindo a gordura localizada e o inchaço no corpo. São necessárias 10 sessões, com duração de 60 minutos.

DEEP REDUX – Com aplicação de copos de acrílico que criam um vácuo e fazem uma sucção da pele, a terapia promove modelagem corporal, diminuição das depressões da pele provocadas pela celulite, e controle da corrente sanguínea, tendo como base o aumento da troca gasosa, visando oxigenar e nutrir o tecido. “Desta forma, a técnica realiza o trabalho em plano mais superficial até o mais profundo do tecido, ativando a circulação, reduzindo medidas e melhorando o aspecto da pele”, explica Ingrid. Em média, o procedimento dura 50 minutos, com recomendação de 10 sessões, podendo ser realizadas duas vezes por semana.

DRENAGEM LINFÁTICA – Massagem de movimentos leves e lentos que melhoram a circulação sanguínea, eliminando toxinas e diminuindo a retenção líquida (inchaço), além de ativar a oxigenação celular e a nutrição dos tecidos. Com duração de 50 minutos, são necessárias 10 sessões, com frequência de duas a três vezes por semana.