Fisioterapia para resolver dores de cabeça

A articulação temporomandibular (ATM) é responsável pela ligação entre o osso temporal do crânio e a mandíbula, atuando diretamente na abertura, fechamento da boca, fala e bocejo, por exemplo e qualquer disfunção na ATM, caracterizada como DTM, gera dores, limitação de movimento e dificuldade de mastigação. Diagnosticado pelo dentista, o tratamento costuma ser finalizado com um fisioterapeuta.

“Embora seja extremamente ruim sentir dor, o problema não é apenas esse. Quando a pessoa se conscientiza que é essa a musculatura que faz todos os movimentos do maxilar, fica evidente a importância de restabelecer a funcionalidade dessa articulação e resgatar a amplitude do músculo” – resume o fisioterapeuta Bernardo Sampaio.

A fisioterapia é um importante aliado dos dentistas e dos portadores de DTM no que se refere a tratamentos não invasivos. A aplicação de toxina botulínica e a cirurgia são indicadas apenas em alguns casos, mas a fisioterapia, indicada para todos os pacientes é capaz de reduz de forma considerável todos os sinais. O tratamento é feito através de imobilizações, movimentos manuais, atividades de postura e correção de desvios da cabeça. “Com o nosso trabalho conseguimos promover o equilíbrio muscular e modificar o comportamento do portador, minimizando não só os efeitos, mas também impedindo que surjam novos sintomas” – garante.

Para resolver essa desordem orofacial é importante ressaltar que o tratamento precisa ser realizado em parceria com o dentista, que atuará na correção de outros fatores.

Bernardo Sampaio – Crefito: 125.811-F: Fisioterapeuta e diretor regional da Associação Brasileira de reabilitação de coluna – ABR Coluna e também diretor e responsável clínico pelas Unidade de Guarulhos do ITC Vertebral e do Instituto Trata. Possui experiência em fisioterapia ortopédica, traumatologia e esporte, além de especialização em fisioterapia músculo esquelética, aprimoramento em membro superior e oncologia ortopédica pela Santa Casa de São Paulo. Graduado pela PUC- Campinas com formação em osteopatia clínica pela Académie de Thérapie Manuelle Et Sportive (Belgica), é também autor do artigo Whiplash no livro hérnia de disco e dor ciática do Dr. Helder Montenegro. Saiba mais em: www.institutotrata.com.br e www.itcvertebral.com.br.

Fonte: Ag. Girassol